RAINHA DO FREVO, DA FORÇA FEMININA, DAS CAUSAS SOCIAIS… ISSO E MUITO MAIS É NENA QUEIROGA!

 

Galo da Madrugada - Recife, PE

 

23 de março de 2022

RAINHA DO FREVO, DA FORÇA FEMININA, DAS CAUSAS SOCIAIS… ISSO E MUITO MAIS É NENA QUEIROGA!

Ela pode até ter nascido na terra do samba, o Rio de Janeiro, mas é pernambucana de corpo, alma e coração (pra nosso grande orgulho! E que orgulho!). Filha de um compositor, humorista e radialista, Luiz Queiroga, e de uma cantora, Mêves Gama, Nena Queiroga – a rainha do carnaval de Pernambuco, título, mais do que merecido, que leva com muito orgulho – conta que veio ainda muito criança para a “Terra dos Altos Coqueiros”, lugar no qual aquela menina nem imaginava o quanto viria a contribuir e se tornar destaque, anos mais tarde, em sua cultura popular.

O contato com a arte, podemos dizer que veio simultâneo aos primeiros passos da garota. “Nasci e cresci no ambiente artístico, vendo minha mãe cantar e acompanhando-a nos estúdios e em ensaios de orquestra”, lembra Nena, que revela ter começado a carreira, profissionalmente falando, aos 12 anos: “com essa idade, já ganhava cachê, eu era a única criança cantora na época, até então só existia adultos que faziam vozes infantis. Trabalhava nos estúdios, fazendo jingles, também fazia coro nos discos de frevo”.

Aos 16, a futura rainha do frevo passou a integrar orquestras dedicadas ao ritmo mais popular do carnaval pernambucano. Depois disso, passeou também por outros ritmos, tornando-se cantora popular. A primeira composição veio em parceria com outro grande ícone da música pernambucana, a quem considera “padrinho artístico”. “Eu era backing vocal de André Rio e ele me impulsionou tanto a fazer meus próprios shows solo como também a compor. Nossa primeira parceria foi a canção ‘Te amo tanto’, depois vieram várias outras, até chegar em ‘Chuva de Sombrinhas’, que é o nosso grande sucesso, junto com Beto Leal”, orgulha-se Nena.

Incentivo à carreira solo e a se apresentar no Galo veio do parceiro e “padrinho” André Rio, com quem compôs o clássico “Chuva de Sombrinhas” (“ai que caloooooor…”)

Tanto o primeiro disco (Xotes e Forrós, de 2006) como as primeiras apresentações solo foram dedicados, exclusivamente, ao ritmo, tradicionalmente, junino. “fazia forró, abria shows de cantores famosos, tanto daqui como de fora. Depois, passei a interpretar músicas baianas, brasileiras de um modo geral”, continua Nena.

O contato mais forte – e definitivo – com o freio veio, novamente, através do parceiro André Rio, que a fez subir, pela primeira vez, ainda como backing vocal, num trio elétrico durante o desfile do maior bloco de carnaval do mundo. “Minha relação com o Galo é muito interessante, porque eu assistia todos os anos, pela TV, mas morria de medo, não tinha vontade de ir porque temia a multidão. Foi quando comecei a ir cantar com André, fazendo vocal com ele, que também me dava oportunidade de cantar sozinha, lá na frente”, recorda Nena.

Cantora puxa seu próprio trio no Galo desde 2005 e já trouxe diversos artistas nacionais, como Maria Gadu (2011)

Porém, foi no início da década de 2000 que o furacão Nena Queiroga começou a tomar força e mostrar a que veio no maior carnaval popular do planeta: passou a comandar seu próprio trio no Galo. “Considero, oficialmente, o ano de 2005 como o primeiro que saí sozinha. De lá pra cá, não parei mais. Foi muito por força de Gustavo Travassos (cantor oficial do Galo) e de seu Enéas (fundador do bloco, falecido em 2008), que começou a me chamar de ‘a voz feminina do Galo’. Isso porque, embora já houvesse, antes de mim, cantoras à frente de trios, elas ou eram vocalistas de banda ou conhecidas por cantarem outros ritmos, como o forró. Eu não era de canto nenhum, apareci sozinha puxando um trio”, explica.

O título de “A Voz Feminina do Galo”, garante Nena, deu muita sorte, já que, a partir dele, a consagração da artista junto ao carnaval de Pernambuco só aumentou. “Depois disso, começou a aparecer essa coisa de ‘rainha do frevo’, ‘rainha do carnaval’, que já foi um título dado por Ivete (Sangalo), na primeira vez que cantei com ela, num show aqui”.

Entre as inúmeras honrarias recebidas, ao longo da carreira, estão o título de cidadã pernambucana, em 2011, e a homenagem no carnaval de 2018 do Recife, no qual fez questão de aproveitar o espaço para abrir todo seu coração. “Foi muito importante pra mim, porque pude não só homenagear minha mãe, cantando suas canções, como também divulgar a as causas sociais em que atuo, do fortalecimento feminino e da acessibilidade. Trouxe ao palco a Orquestra 100% mulher, o Coral Edgard Moraes, maracatu formado por deficientes auditivos, balé com portadores de Síndrome de Down, foi muito bonito”.

Título de “Rainha do frevo” veio da amiga Ivete Sangalo, a qual recebeu para gravação do seu DVD, em 2014.

Outro grande presente, tanto para a carreira de Nena quanto para os foliões, veio em 2014, quando a artista gravou o DVD Pernambuco para o Mundo”, que reuniu um público de, aproximadamente, 60 mil pessoas, no Cais da Alfândega – Centro do Recife. Entre os convidados do show, os cantores Elba Ramalho, Lenine, Ivete Sangalo, Luiza Possi e Maria Gadu. As duas últimas, inclusive, também estiveram com Nena (em diferentes anos) em trio elétrico no Galo da Madrugada.

Com uma carreira tão voltada à paixão pelo frevo e pelo carnaval pernambucano, é mais do que esperado que o coração de Nena esteja, como o de tantos outros artistas e foliões, apertado em decorrência dos dois anos sem carnaval. “É muito difícil pra gente, está tudo muito engasgado, aquela vontade guardada lá dentro, principalmente com relação ao Galo, já que uma apresentação ou outra a gente até consegue fazer, canta frevo em algum lugar, mas o Galo não podemos ainda”, desabafa.

Nena classifica como único, insubstituível, o sentimento de estar no maior bloco do mundo: “aquela sensação, aquele nervoso que dá, todo aquele processo e projeto que é, o pré, o pós e, principalmente, o durante. A emoção que a gente vive ali não dá pra viver em canto nenhum mais, nem se levasse, talvez, o Galo pra outro lugar. É ímpar e faz muita falta”, externa.

“Rainha” espera realizar, em 2023, o “mais lindo de todos os desfiles” do Galo.

Muita saudade, mas, também, muita esperança no coração da artista, que não vê a hora (como a gente) de voltar a ver a multidão na rua fazendo o maior espetáculo da Terra. “Estou muito esperançosa que, ano que vem, a gente possa realizar o mais lindo de todos os desfiles, bem diferente de tudo o que já foi visto. Que, realmente, esses dois anos (de pandemia) tenham servido pra gente colocar em prática, em 2023, um carnaval mais do que inesquecível, o melhor de todos da vida da gente”, garante a rainha.

Nena Queiroga

Contatos para shows: (81) 99996.2606

Cadastre seu email e fique por dentro das novidades

Comentários

Notícias 24 de maio de 2022

 “A MINHA MÚSICA É ISSO, É ESSA ALEGRIA, É O AMOR, É TANTO AMOR!”
Perfil 22 de maio de 2022

“A MINHA MÚSICA É ISSO, É ESSA ALEGRIA, É O AMOR, É TANTO AMOR!”

 Após apresentação no Recife, com Bia Villa-Chan, Armandinho visita sede do Galo
Notícias 13 de maio de 2022

Após apresentação no Recife, com Bia Villa-Chan, Armandinho visita sede do Galo

 MESTRE NA ARTE DA MÚSICA E DA CIDADANIA. MORRE MAESTRO LIMA NETO, FUNDADOR DA ESCOLA DE MÚSICA DO GALO
Notícias 9 de maio de 2022

MESTRE NA ARTE DA MÚSICA E DA CIDADANIA. MORRE MAESTRO LIMA NETO, FUNDADOR DA ESCOLA DE MÚSICA DO GALO

 PREFEITO DO RECIFE VISITA SEDE DO GALO E OFICIALIZA APOIO À 12ª EDIÇÃO DO FORROZÃO
Notícias

PREFEITO DO RECIFE VISITA SEDE DO GALO E OFICIALIZA APOIO À 12ª EDIÇÃO DO FORROZÃO

 GALO DA MADRUGADA FAZ ENTREGA DE PRESENTES PARA DIA DAS MÃES DE COMUNIDADES VIZINHAS À SEDE
Cidadania 6 de maio de 2022

GALO DA MADRUGADA FAZ ENTREGA DE PRESENTES PARA DIA DAS MÃES DE COMUNIDADES VIZINHAS À SEDE

 ARTE SUSTENTÁVEL: ARTISTA PLÁSTICO PRESENTEIA GALO COM OBRAS CONFECIONADAS A PARTIR DE RESÍDUOS SÓLIDOS
Notícias 26 de abril de 2022

ARTE SUSTENTÁVEL: ARTISTA PLÁSTICO PRESENTEIA GALO COM OBRAS CONFECIONADAS A PARTIR DE RESÍDUOS SÓLIDOS

 DE MENINA SONHADORA A RAINHA DO BREGA, ESTRELA NO CARNAVAL, ÍCONE NO SÃO JOÃO… NÃO HÁ MESMO LIMITES PARA MICHELLE MELO
Perfil 6 de abril de 2022

DE MENINA SONHADORA A RAINHA DO BREGA, ESTRELA NO CARNAVAL, ÍCONE NO SÃO JOÃO… NÃO HÁ MESMO LIMITES PARA MICHELLE MELO

 BEM MAIS QUE UMA “PERSONAGEM DE UMA HISTÓRIA”: A PORTA-VOZ DO SAMBA DE PERNAMBUCO. SALVE, GERLANE!
Perfil 29 de março de 2022

BEM MAIS QUE UMA “PERSONAGEM DE UMA HISTÓRIA”: A PORTA-VOZ DO SAMBA DE PERNAMBUCO. SALVE, GERLANE!

 EMOÇÃO E ALEGRIA MARCAM APRESENTAÇÃO DO BLOCO DAS ILUSÕES NO MERCADO DA BOA VISTA
Notícias 28 de março de 2022

EMOÇÃO E ALEGRIA MARCAM APRESENTAÇÃO DO BLOCO DAS ILUSÕES NO MERCADO DA BOA VISTA

 “CANTO A NOSSA MÚSICA, A NOSSA VERDADE, LEVANTO A NOSSA BANDEIRA”. CONHEÇA A TRAJETÓRIA ARTÍSTICA DE FABIANA PIMENTINHA.
Perfil 17 de março de 2022

“CANTO A NOSSA MÚSICA, A NOSSA VERDADE, LEVANTO A NOSSA BANDEIRA”. CONHEÇA A TRAJETÓRIA ARTÍSTICA DE FABIANA PIMENTINHA.

 GLOBO PE E YOUTUBE /GALORECIFE EXIBEM ESPECIAL DO GALO NESTE SÁBADO, 26
Notícias 24 de fevereiro de 2022

GLOBO PE E YOUTUBE /GALORECIFE EXIBEM ESPECIAL DO GALO NESTE SÁBADO, 26

 GALO DA MADRUGADA UNE-SE EM CAMPANHA QUE IRÁ TRANSFORMAR PLAYLISTS DE CARNAVAL EM CESTAS BÁSICAS PARA CATADORES DE LATINHA
Cidadania 23 de fevereiro de 2022

GALO DA MADRUGADA UNE-SE EM CAMPANHA QUE IRÁ TRANSFORMAR PLAYLISTS DE CARNAVAL EM CESTAS BÁSICAS PARA CATADORES DE LATINHA

 GALO E OUTROS REPRESENTANTES DO FREVO RECEBEM HOMENAGEM NA CÂMARA DE VEREADORES
Notícias

GALO E OUTROS REPRESENTANTES DO FREVO RECEBEM HOMENAGEM NA CÂMARA DE VEREADORES

Loja do Galo

Camisa Galo da Madrugada 2020

Camisa Galo da Madrugada 2020

R$ 30

Comprar Agora