Tema

FREVO MULHER

Em 2019 o Galo da Madrugada estará homenageando todas as mulheres que, com sua força, ajudaram a agremiação desde o seu surgimento, seu crescimento, até chegar na grandeza atual. Juntando o Frevo e as Mulheres, surgiu o tema: FREVO MULHER, que coincide com o nome de um dos Frevos mais tocados no Carnaval pernambucano. Essa canção, FREVO MUHER, é de autoria de Zé Ramalho e foi gravada inicialmente pela cantora Amelinha.
A canção “Frevo Mulher”, torna-se o ponto forte para homenagear a garra, a beleza plural e a trajetória de conquista das mulheres no cortejo de abertura do 42º desfile de Carnaval do Galo da Madrugada, que invade as ruas do centro do Recife-PE no dia 02 de março de 2019.

Com assinatura do cenógrafo Ary Nóbrega, os carros alegóricos da agremiação, seis ao todo, apresentarão elementos que ilustram a força da mulher em diversos campos de atuação. Neste ano, as alegorias ainda contam com uma novidade: cada carro levará um destaque consigo. Ao todo, cinco mulheres foram convidadas a dar rostos às homenageadas, foram elas: Amelinha (cantora e compositora), Fabiana Karla (atriz), Lia de Itamaracá (dançarina, cantora e compositora), Yane Marques (pentatleta) e Léa Lucas (foliona). Já as fantasias ficam a cargo dos carnavalescos Francisco Câmara e Anderson Gomes.

CARROS ALEGÓRICOS:

1. Clarins e trombetas, anunciando a chegada do Galo da Madrugada;
2. Carro abre-alas com passistas de frevo e o tradicional Galo tendo como inspiração a alegria de Léa Lucas, uma das folionas mais icônicas do nosso Carnaval;
3. Alegoria “Frevo Mulher”, que carrega o tema do Carnaval 2019 e todas as referências da canção de Zé Ramalho, tendo como inspiração a cantora e compositora Amelinha, com ícones como a dama do paço e a Mulher do Dia;
4. Alegoria “Pernambucana de Raça”, ilustrando a história de garra e resistência de Yane Marques e trazendo referência das corredoras da Grécia Antiga;
5. Alegoria “Ciranda de Lia”, narrando a história de Lia de Itamaracá com elementos como jangadas, coqueiros e a tradicional ciranda;
6. Alegoria “Oh, Bela”, encerrando o desfile com a inspiração nas canções “Oh, Bela”, de Capiba, fazendo referência à irreverência de Fabiana Karla.

……………………………………………………………………………………………………………
Texto: AP Comunicação | Ascom. Galo da Madrugada
Foto: José Marcos | Galo da Madrugada

Comentários

Redes Sociais
Sede do Galo

R. da Concórdia, 984,
São José - PE

Telefone

81. 3224-2899